terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Carta




Boa noite!


Já estava morrendo de saudades de vocês.



Carta à Monike

O lado melhor de chorar um amor
É conseguir lavar os olhos
Para enxergar que o mundo não partiu.
Apenas ela se foi!
Mas o mundo está aí
Colorido e sonoro,
Mas como?
Mas como esquecê-la?
Então pauso a prosa
E pego um pincel, tinta acrílica e uma tela...
Pinto uma voz!
Passo a mão no violão e desarrumo a casa.
Quebro uns pratos e espanco a almofada,
Sinto desprender-me do ar,
A vertigem, lentamente, vai me segurando,
E por alguns, intermináveis instantes eu fico;
Boca, baba, chão e olhos quase congelados.
O lado pior de ser eu
É carregá-la para sempre,
Porque o amor
Mesmo ingrato é inesquecível.
Os anos vão passar...
Mas a fragrância não sairá...
Sempre dará uma sensação de conforto
Daqueles seus abraços.
O lado engraçado é chorar
Ao vê-la longe,
E sorrir de tristeza por ainda
Escutá-la em meus ouvidos nostálgicos.
Angústia é esperar
Uma tempestade,
Sabendo que as inundações poderão
Levar-me a insensatez.
Conselho à Monike: atire-se em pleno precipício
Quando escutar a primeira trovoada,
Somente para sentir-se...
Você
Novamente.

(Hallais, Alexandre – Rio de janeiro, 28 de março de 2006)

16 comentários:

Kari disse...

Já estava com saudade de te ler, sabia?

Engraçado como amor é complexo, né? A gente esqueçe mas num esquece nunca. a gente deixa de amar, mas continua amando... Desculpa, me perdi nos pensamentos...

Uma belíssima poesia!
Forte!
Gostei muito!

Beijão

Quem sou? disse...

'Atire-se em pleno precipício...'

essas palavras muito me servem sabe?
preciso colocá-las dentro dos meus pensamentos de uma vez só e encarar a vida.
saudades daqui alexandre :)

grandes beijos poeta!

Só Magui disse...

Não há como um dia após o outro.Nada de desespero!!!

Liz disse...

Tenho mania de ficar navegando de blog em blog, antes era pra ver como se faz, agora é por curiosidade de saber o os blogueiros andam postando...O teu é bem legal acho que volto de novo, ok?!
bye, bye

O Véio disse...

O Que eu poderia dizer?

Poderia dizer que sofro também, mas acho que não tanto. Poderia dizer que luto, mas não da mesma forma.

Poderia dizer tanta coisa...

Poderia dizer que amo. Será o amor bastante em sí próprio?

Abraço.

Morena disse...

Ai meu deus do céu!
Posso dizer uma coisa? Como diz meu professor orientador o amor pode n ser pra sempre mas ex é !!! ai ai ai
vida...
Bjokas
Bom fim de semana

тαynαн disse...

Quanto tempo. Desculpa a minha falta, tanto tempo e o tempo nem tanto.
Primeiramente.. Um feliz ano novo para você. Que continue com os belos textos de sempre. Muitos outros posts, muitos outros comentários, muito tudo daquilo que você quiser, viu?!

Sobre a carta.

“Angústia é esperar
Uma tempestade,
Sabendo que as inundações poderão
Levar-me a insensatez.”

Mas em certos pontos a insensatez é uma benção.
Afogar-se seria uma boa opção. [não seria?] Eu me afogaria..
Bela carta.

Beijos.

Micha Descontrolada disse...

q linda carta...ótimos conselhos.

/(,")\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_.................

Uma vencedora disse...

Oie meu amigo...

Estava sentindo falta das suas belas palavras... Vc que acerta sempre com essa adoravel veia artistica pronta para recitar os mais belos poemas!!!

Precisamos conversar sobre o blog que vc nos sugeriu montar...

Eu não desisti não!!! Eu topo...

Bjs querido.

Janaína

Reticências disse...

"O lado melhor de chorar um amor
É conseguir lavar os olhos
Para enxergar que o mundo não partiu."


Esse trecho sozinho vale como lição de vida!

Saudades!

Bjo grande

Felícia Feliz disse...

Uau!
Nossa, vc é demais!
Parabéns!
Grande beijo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Kari disse...

Eita! Estava com saudade de ler um comentário teu!
Também te adoro, viu?
Ah! E não precisa agradecer o e-mail não... Fico feliz que o tenhas recebido tudo direitinho!

Beijão

BABI SOLER disse...

Algumas vezes precisamos ouvir: "atire-se no precipicio" para perceber que não arriscamos pouco.

Um beijo.

Adriano Veríssimo disse...

Meu querido Hallais!!!

Peço-te desculpas pelo tempo ausente, é a correria de Sampa, da profissão, do mundo que dá voltas, como diz a Kari..rs

Respondendo um post lá debaixo, estou dentro do que fizerem...Me habilitando a escrever sobre Teatro, Artes, ah sei lá, falar sobre o que sei, sobre os acontecimentos e novidades dessa área...

Estou a disposição meu querido!

"Ahhh o amor...O que sabemos dele neh!?"

Beijo e se cuida meu amigo

Uma vencedora disse...

Meu amigo...

Eu estou super empolgada com a coluna!!!

Preciso conversar com vc para acertarmos os detalhes...

Bjs

Janaína

Thayssa disse...

Estava com saudades de vir aqui...
Realmente linda a carta:)